terça-feira, 17 de março de 2015

Quem me dera


Quem me dera poder abrir o livro
Mudar a historia, seguir outro rumo
Por apenas um dia partir sem destino
Aportar onde me aprouvesse sem hora de voltar
Ai este desatino, esta vontade de ir
Quando as raízes teimam em me prender
Quero apanhar a vida que se me escapa
Prendê-la entre os dedos sem hesitar
Transformar os sonhos em realidade
Porque amanhã é muito longe
E o agora é sempre tarde demais.



17 comentários:

  1. Este é o nosso estigma, Ana, buscar, interpelar, julgar.
    O mais forte abraço é sempre fraco, a mais etérea música não satisfaz...
    Se fores, não me deixes aqui do outro lado do oceano...

    beijos,

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. José Carlos, esta nossa eterna insatisfação faz com que o desejo de querer sempre mais nunca acabe.
      Não sei para onde vou mas quem sabe um dia chego ao outro lado do oceano :)
      Beijos

      Eliminar
  2. Ainda ontem, momentos antes de apagar do servidor o meu blogue (já com cópia feita e guardada no disco para recordar sempre que quiser) estive a ler alguns posts antigos e comentários de outros autores que sempre por lá passaram, e foi nessa 'viagem' que encontrei comentários da 'Ana S.' :) :) :)
    Aconteceu tanta coisa nestes últimos anos... e ainda tanta coisa que eu tenho para fazer.
    Vamos continuar a sonhar e a acreditar, tendo em atenção que «hoje é o futuro de ontem e o passado de amanhã»
    Vamos lá então. Força nisso! ;)
    Tudo de bom.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá Alberto!
      Os blogs são uma forma interessante de ver como as coisas mudam ao longo dos anos. Às vezes é bom recordar, outras nem tanto.
      Não sei quando comentei o seu blog pela primeira vez mas imagino que já tenha sido há uns aninhos ehehehe. Enquanto uns blogs duram anos, outros aparecem e desaparecem à velocidade da luz (eu que o diga!). De qualquer forma é bom poder guardar os registos de tudo. Mas deu para guardar só os textos ou os comentários também ficaram guardados?
      Abraço :)

      Eliminar
    2. Olá Ana S.
      O referido comentário já tem uns anitos :)))) sim.
      Quanto à cópia do blogue, foi feita com um programa existente (download gratuito na net) que grava o blogue todo, incluindo os comentários.
      O resultado final é como se estivesses a ver o teu blogue 'off-line'.
      Tens que ter espaço suficiente no disco (depois fiz a transferência para um disco externo) e deixares a gravar durante umas horas valentes... o meu demorou quase 14 horas a gravar ;)
      Para mais tarde recordar serve perfeitamente :) e se estiveres interessada eu posso mandar o nome ou o link do referido programa.
      Tudo de bom .

      Eliminar
    3. Ah muito bem. As coisas que eles inventam! ahahah
      Agradecia o link do programa sim. Este blogue ainda é novinho mas o meu Let's Look se um dia for apagado (espero que não) vai deixar-me triste :(
      Abraço

      Eliminar
  3. Embora acredite que muitas das linhas de vida são escritas por nós, nem sempre o índice bate certo com o argumento...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Sim, é verdade. Nós é que fazemos grande parte do nosso destino, porém há coisas que nos ultrapassam...

      Eliminar
  4. Traga o agora para o agora ao invés de coloca-lo sob o pesar do passado.
    Cadinho RoCo

    ResponderEliminar
  5. Fizeste-me lembrar o Abrunhosa...amanhã é sempre tarde de mais.

    Fica-nos o desejo, a vontade e a gana de mais, sempre.

    Beijinhos

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. ahahah realmente... mas olha que não foi de propósito :p
      Beijinhos

      Eliminar
  6. porque não? porque nao podemos mudar assim?

    ResponderEliminar
  7. Mesmo... e queres saber a melhor? O livro em inglês tem erros gramaticais LOL como será possível lançarem um livro assim... depois em português corrigiram claro mas enfim

    ResponderEliminar
  8. Gostei mesmo do teu texto!!!

    Aproveito para deixar aqui o link da noticia do dia: http://pt.blastingnews.com/pais/2015/03/livro-de-reclamacoes-virtual-passa-a-ser-realidade-ate-ao-verao-00313173.html

    Bjxxx

    ResponderEliminar