quarta-feira, 15 de abril de 2015

Noiva à pressa

Hoje tive um sonho completamente maluco!
Sonhei que estava a passear com a minha família. Estávamos a ver as vitrinas das lojas quando a minha mãe lembra-se de me mandar esperar porque tinha de ir a outro sitio. Eu esperei e quando ela regressa, traz consigo um vestido de noiva, branco, pelos joelhos para eu usar. O vestido tinha uma renda na frente e eu pensei logo que aquilo não ia dar certo com os meus "airbags" volumosos. 
A minha mãe diz que seria bom eu casar logo porque não vou ter grande paciência para esperar pelo dia do casamento. ahahaha Eu fico sem reacção e sou arrastada por ela para a loja dos vestidos. Pelo caminho lembro-me que não tenho roupa interior e fico preocupada com isso porque toda a gente vai saber!
Na loja, haviam centenas de vestidos de noiva mas clientes, eram poucos. Eu sou apresentada ao empregado da loja que me irá servir. Era um velhote mas com agilidade suficiente para me dar uma calcinha branca (como é que ele adivinhou que eu não tinha nada por baixo?) e fazer experimentar montes de tiaras. Escolhi a mais simples.
Como não havia sitio para experimentar o vestido (tinha de ser ali à frente de toda a gente), escolho um canto mais escondido. Quando olho o espelho não é a minha figura que vejo. É uma mulata, alta e magra. Como previa, o vestido não se adapta ao meu peito e a transparência da renda mostra muito mais do que eu gostaria. Ajusto de um lado, ajusto do outro e os mamilos teimam em furar a renda. O drama, o horror, a tragédia! Para piorar a situação, chega ao pé de mim uma chinesa e fica horrorizada com a transparência do meu vestido. Desata a falar em mandarim, com cara de poucos amigos, provavelmente a insultar-me e eu já não sabia mais o que fazer. Com tanto drama acabei por acordar. Ufa!

5 comentários:

  1. ahahahahahaha :))))))))))))))))))))))))
    A sério?! ehehehehehe
    Como se diz na minha terra, «andaste de mota sem capacete» :))))))
    Ou então, ao jantar a bebida não foi água ;)
    ADOREI!!
    Tudo de bom.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. ahahaha. Não me lembro do que bebi ao jantar mas sei que não foi alcoolico :D
      Eu tenho sonhos completamente surreais mesmooo. :p

      Eliminar
  2. Parece saído de um filme.

    Que aventura, hein?

    Beijinhos
    P.S. Sabes que vimos no espelho aquilo que pensamos ou queremos e não aquilo que somos realmente?

    ResponderEliminar
  3. Oh rapariga que raio de sonho!!! Além disso foi multi racial!!!

    Bjxxx

    ResponderEliminar
  4. Um bela narrativa, Ana.
    Pois, pois,aceitar o sonho não é contradizer o acaso. Afinal, estava tão linda em um sítio de raro esplendor... Depois, o que há de surreal? Perfeitamente verossímil. E tão verossímil que o noivo já está a caminho... Aguarde!
    beijos,

    ResponderEliminar