quinta-feira, 12 de novembro de 2015

E tu, apertavas?


Recentemente vi um filme curioso: um estranho bate à porta de um casal com uma caixa. Nessa caixa existe um botão. Se o casal apertar o botão, fica milionário porque recebe automaticamente 1 milhão de dólares. Porém, tudo tem um preço: ao apertar o botão, uma pessoa que eles não conhecem (e provavelmente nunca vão saber quem era), irá morrer.


Prós: 
- ficavas rico
- com jeitinho, já não te preocupavas mais com dinheiro
- a pessoa que vai morrer pode ser um assassino, ladrão, violador, pedófilo etc, e o mundo ficava livre dele.

Contras:
- o sentimento de culpa ia perseguir-te pelo resto da vida.
- como não sabes quem vai morrer, até podia calhar a uma pessoa boa que não faz mal a uma mosca.
- 1 milhão de dólares não é tanto dinheiro assim e pode ser gasto num instante.

A minha resposta é óbvia. Claro que não apertava o botão porque a ideia de ser responsável pela morte de alguém é apavorante. Nunca mais teria um minuto de sossego!

E tu, será que apertarias o botão?

15 comentários:

  1. Deus me livre. Alguma vez? Se fosse para salvar a minha vida, já não digo nada. O instinto de sobrevivência é muito grande, e pode levar-nos a fazer coisas que de outra maneira nunca faríamos. Agora por dinheiro nunca.
    Um abraço

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Toda a gente é capaz de matar nem que seja para salvar a sua vida ou de alguém a quem ama, agora matar por dinheiro é outra coisa. Isso já tem a ver com o carácter (ou a falta dele).
      boa semana Elvira!

      Eliminar
  2. Nem pensar em apertar o botão, iria ficar com remorsos para o resto da vidoca:)))

    ResponderEliminar
  3. Olha, Ana, tem prós e contra, como referes, mas eu seria INCAPAZ de apertar o botão. Vivas são vidas, e está tudo dito. Sabes quem eu apertaria bem, assim, hum, muito bemmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmm, eram as mãos lindas e não só, do Pablo Alboran. Mi gusta, lo muchacho. E a ti? A gente divide, não a ele, claro!Uns diazinhos no Funchal contigo, boa, num hotel na Promenade, e comigo, outros, num lugar à escolha dele. Ai, espero que não escolha nada perto do mar!

    Bom domingo.

    Besos y abrazos.

    PS: minha querida não foste a 1ª a comentar, mas és tão importante para mim, como se fosses a primeira.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. O Pablo Alboran? serve...apesar de não estar no meu top 10 mas a cavalo dado não se olha o dente ahahaha
      Mas então não sabes nadar? ai o cheirinho a maresia é tão bom e inspira para fazer coisas boas :p

      P.S- só depois vi que o comentário precisava de aprovação. Não faz mal, porque não faço questão de ser a primeira a comentar. Também é só nisso que não quero ser a primeira ahahaha.
      muchos besos

      Eliminar
    2. Serve? Então, enumera-me lá o teu Top 10, caso não vejas inconveniente nisso.
      Nem um pouco, tenho pavor do mar, da maresia e de tudo o que com ele esteja relacionado, mas nunca tive qualquer acidente ou problema com aquela imensidão e rebelião.
      A mim, decerto, não me inspiraria, pke sem a mínima dúvida ficaria com taquicardia.

      O importante é comentar blogues de k gostemos. O resto é acessório.

      Beijos.

      Eliminar
    3. epa...agora assim de repente lembrei-me que fiz um top 10 dos meus actores preferidos com mais de 50 anos no lets look: top 10
      Dessa lista mantenho o Keanu, o Depp, o Washington, o Lundgren, e o Liam Neeson. Fora dos 50 anos gosto do Tom Hardy, do Colin Farrell, do Henry Cavill (coisa maiiiiiii linda),do Marton Csokas (desconhecido para muitos) e o nosso "hot Jesus" Diogo Morgado.
      Já ia dizer que não tenho grande panca por cantores mas o meu passado condena-me. Tenho muitos discos do Ricky Martin do tempo em que ele vivia preso no armário ahahaha

      Taquicardia por ver o mar? Ai eu gosto tanto mas entendo que aquela imensidão pode ser assustadora.
      No meu caso só gosto de ver porque nem sequer sei nadar (traumas de infância em que quase me afoguei).

      É verdade. Só comentamos os blogs que gostamos e sem a necessidade de ser o/a primeiro/a como vejo muito no youtube ahah

      Beijos

      Eliminar
    4. E eu estive a ver, agora, esse teu Top 10 dos "entradotes". Bem, podes ficar com todos, embora o Deep e o Lundgren sejam casos a ponderar.
      Diogo Morgado, tb aprecio, mas olha que gostava mais de o ver com óculos (eu sei k atrapalham, eu sei, e essa coisa de "espera aí, k eu vou tirar os óculos pke foram bué da caros", rebeubeu pardais ao ninho, não "casa" e perde-se o melhor da "missa").
      Ricky Martin nada me gusta, portanto, todo teu. Espera aí, não é este que se casou recentemente com outro do mesmo sexo? Ou foi um parecido?

      Pois mar, pra mim, nem ao longe e vê tu bem k sou tão "famosa" e "falada", neste aspeto, k algumas pessoas k comentam blogues, não o meu, dizem: eu só "conheço" uma pessoa k não gosta do mar. "Ando nas bocas do mundo", já se vê!
      Eu nunca me deitei em cima da água do mar, nem com nadadores salvadores a ajudarem e a tentarem convencer-me, mas nem assim.
      Percebo o teu trauma, percebo! Caramba, só de pensar fico aterrorizada.

      Acho a blogosfera tão parada! Não achas? O pessoal deve estar no Face ou no Google+, não? Não tenho esses "bicharocos", por opção.

      Já comentei uma vez ou outra canções francesas (deliro com música francesa, mas vejo-me grega para encontrar coisas de jeito, agora. Há mtos franco-argelinos, franco-marroquinos e franco-tunisinos a cantarem em francês, mas é aquele tipo de música Rap, mais Quinta do Mocho, tás a ver, e portanto, não curto) no Youtube, mas não perco tempo com isso. O k me interessa é a letra e a música.

      Bisous.

      Eliminar
    5. Ai os óculos são uma chatice. Só servem para atrapalhar na hora h. Sujam com facilidade e com o calor ficam embaciados.

      Acho o Diogo Morgado fofinho e queridooo.

      O Ricky Martin saiu do armário. Casou e acho que já se divorciou do homem. O mais engraçado é que há anos atrás conheci um homem na net que dizia conhecer um rapaz que tinha ido para a cama com ele (um amigo do amigo e tal) e eu não acrediteiiii mas afinal até pode ser verdade. Ai vivi a minha vida toda enganada. lol

      Ah o meu trauma é mais com piscinas porque foi onde se deu o quase-afogamento. Se eu souber que vou a um lugar onde tem um piscina já fico mal disposta ahaha. Como não me aventuro no mar, fico só a olhar e não tenho problema com isso.

      A blogosfera "morreu" desde que o facebook apareceu. Pensei que ia ser apenas uma fase porque quando já não é mais novidade, as pessoas desligam-se mas o facebook tornou-se o ponto de encontro das pessoas que não se viam há muito tempo e pior: é onde tudo se sabe e vemos as vidas uns dos outros.
      Fico com pena porque conheço muitas pessoas que tinham blogs interessantes e hoje não existem mais ou estão inactivos.
      Nestas coisas de blogs, algumas pessoas vivem para ter muitos comentários e se não têm, preferem deixar de escrever. Foi o que aconteceu com muitos dos blogs que eu costumava acompanhar.

      Não gosto muito de musica francesa (aliás, não gosto muito da língua) e ainda sou do tempo em que a única musica francesa que ouvia era da Celine Dion ahaha

      Gros Bisous

      Eliminar
  4. Eu apertava!! ehehehehe (alguém tem que dizer que sim)
    Olha... ai e tal.... foi a minha amiga Ana S. que desafiou perguntando "e tu, apertavas?" E eu, apertei!
    Depois apanhava um avião e ia ter contigo para beber aquela bebida.... como se chama? :))))))))

    Mentira! Primeiro porque tenho medo de voar, segundo porque só tenho coragem para matar moscas e depois, e mais importante, é que já me chega ter que conviver aceitar e preparar-me para a minha (de todos nós) sentença de morte.... que espero não seja para já.
    Mas um milhão de USD ainda são umas massas, pá ;) :)

    Biejinho e tudo de bom.
    (desculpa a brincadeira)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. ahahah. só para contrariar!
      Temos de contrariar a vontade de apertar assim de vez em quando! (a não ser que seja a bexiga cheia.... aí convém apertar mesmo) ahahaha
      Eu também só consigo matar moscas mas elas costumam ser mais rápidas do que eu, enfim. se não me sair o euromilhões, vou continuar pobre porque apertar não é comigo.
      Beijos

      Eliminar
  5. Provavelmente também não o faria, tal como tu, ser responsável pela morte de alguém é algo que me deixa apavorada!

    Bjxxx

    ResponderEliminar
  6. Hmmm, não apertava.

    Isabel Sá
    http://brilhos-da-moda.blogspot.pt

    ResponderEliminar